Itaúnas, forró e dunas

Era uma estrada de terra mesmo. Como poucas vezes em todo esse tempo pela América do Sul dessa vez eu tive que tomar um ônibus (R$7,50, 1h) para chegar em Itaúnas por uma estrada de terra batida. Me avisaram que não tem banco, só alguns caixas eletrônicos e um mercadinho. Apesar disso tudo vale pena visitar e conhecer os mistérios desse lugar que é uma boa mistura de dunas, forró e tranquilidade. Continuar lendo “Itaúnas, forró e dunas”

Anúncios

Turismo cultural na Barra do Jucu

Gravamos essa pequena reportagem com Mestre Vitalino (Banda de Congo “Mestre Honório) e Dona Dorinha (Tambor Jacaranema), duas pessoas representantes de uma das maiores manifestações culturais do Espírito Santo, as festas de São Benedito que ocorrem na Barra do Jucu durante o verão e onde tocam as tradicionais bandas de Congo. Continuar lendo “Turismo cultural na Barra do Jucu”